Make your own free website on Tripod.com
Maranews
Foco
Home
Quem sou eu
Coffeeshop
Flash
Vai rolar
Foco
Rádios e TV ao vivo
Cursos gratuitos on line
Links interessantes
Sites de buscas
Tradutor e conversor de moedas
Classificados
Entre em contato
Livro de visitas

Este texto foi escrito por um HOMEM, e é pra levantar o astral de qualquer MULHER!!!
Pelo jeito, ele entende mesmo de MULHER!!!!!
Texto de Adriano Silva, 31 anos, diretor de Redação da Revista Superinteressante.



"Tome a mesma mulher aos 20 e aos 40 anos. Num segundo momento ela será umas sete ou oito vezes mais interessante, sedutora e irresistível do que no primeiro. Ela perde o frescor juvenil, é verdade. Mas também o ar inseguro de quem ainda não sabe direito o que quer da vida, de si mesma, de um homem.

Não sustenta mais aquele ar ingênuo, uma característica sexy da mulher de 20. Só que é compensado por outros atributos encantadores de que se reveste a mulher de 40. Como se conhece melhor, ela é muito mais autêntica, centrada, certeira no trato consigo mesma e com seu homem.

Aos 40, a mulher tem uma relação mais saudável com o próprio corpo e com seu cheiro cíclico. Não briga mais com nada disso. Na verdade, ela quer brigar com o menos possível. Está interessada em absorver do mundo o que lhe parecer justo e útil, ignorando o que for feio e baixo-astral. Quer é ser feliz.

Se o seu homem não gostar do jeito que ela é, que vá procurar outra. Ela só quer quem a mereça. Aos 40 anos, a mulher sabe se vestir. Domina a arte de valorizar os pontos fortes e disfarçar o que não interessa mostrar. Sabe escolher sapatos, tecidos e decotes, maquiagem e corte de cabelo. Mas, sobretudo, gasta melhor. E tem gestos mais delicados e elegantes.

Aos 40, ela carrega um olhar muito mais matador quando interessa matar. E finge indiferença com mais competência quando interessa repelir. Ela não é mais bobinha. Não que fique menos inconstante.

Mulher que é mulher, se pudesse, não vestiria duas vezes a mesma roupa, nem acordaria dois dias seguidos com o mesmo humor. Mas, aos 40, ela já sabe lidar melhor com este aspecto peculiar da condição feminina. E poupa (exceto quando não quer), o seu homem desses altos e baixos hormonais que aos 20 a atingiam e, quem mais estivesse por perto irremediavelmente.

Aos 20, a mulher tem espinhas. Aos 40, tem pintas. Encantadoras trilhas de pintas...que só sabem mesmo onde terminam, uns poucos e sortudos escolhidos. Sim, aos 20, a mulher é escolhida. Aos 40, é ela quem escolhe. Não veste mais calcinhas que não lhe favorecem. Só usa lingeries com altíssimo poder de fogo. Também aprende a se perfumar na dose certa, com a fragrância exata. A mulher aos 40, mais do que aos 20, cheira bem, dá gosto de olhar, captura os sentidos, provoca fome.
Aos 40, ela é mais natural, sábia e serena. Menos ansiosa, menos estabanada. Até seus dentes parecem mais claros. Seus lábios, mais reluzentes. Sua saliva, mais potável. E o brilho da pele não é o da oleosidade dos 20 anos, mas pura luminosidade.

Aos 20, ela rói unhas. Aos 40, constrói para si mãos plásticas e perfeitas. Ainda desenvolve um toque ao mesmo tempo firme e suave. Ocorre algo parecido com os pés, que atingem uma exatidão estética insuperável. Acontece alguma coisa também com os cílios, o desenho das sobrancelhas. O jeito de olhar fica mais glamuroso, mais sexualmente arguto.

Aos 40, quando ousa no quer que seja, a mulher costuma acertar em cheio.

No jogo com os homens, já aprendeu a atuar no contra-ataque. Quando dá o bote, é pra liquidar a fatura. Ela sabe dominar seu parceiro sem que ele se sinta dominado.

Mostra sua força na hora certa e de modo sutil. Não para exibir poder, mas para resolver tudo a seu favor antes de chegar o ponto de precisar exibí-lo.
Consegue o que pretende sem confrontos inúteis.

Sabiamente, goza das prerrogativas da condição feminina sem engolir sapos supostamente decorrentes do fato de ser mulher.

Se você, mulher, anda preocupada porque não tem mais 20 anos, ou porque ainda não tem, mas percebeu que eles não vão durar para sempre, fique tranquila. É precisamente, a partir dos 40, que o jogo começa a ficar bom!!!"



Um milhão de crianças são vendidas todo ano no mundo, diz Unicef e Elisa Lucinda na Globo, por Helena Bes.

Estão rolando os dados

 
Um milhão de crianças são vendidas todo ano no mundo, diz Unicef
29/07/2003  (enviado por Clarice, no Curumin)
 
Por Jeremy Lovell

LONDRES (Reuters) - Cerca de 1,2 milhão de crianças são vendidas a cada ano por 10 bilhões de dólares, disse o Fundo da Organização das Nações Unidas para a Infância (Unicef) em um relatório que será publicado na quarta-feira. "O tráfico é um verdadeiro problema global, que afeta todos os países em todos os lugares", disse o relatório, intitulado End Child Exploitation: Stop The Traffic (Acabe com a Exploração Infantil: Pare com o Tráfico).O assunto chegou às manchetes da Grã-Bretanha na terça-feira quando a polícia prendeu 21 pessoas em conexão com um ritual de sacrifício de uma criança nigeriana cujo torso sem cabeça e sem membros foi encontrado boiando no rio Tâmisa há dois anos. Acredita-se que o garoto, que a polícia deu o nome de Adam por falta de identificação, tenha sido levado clandestinamente para a Grã-Bretanha. Segundo o relatório do Unicef, enquanto a Europa é o maior mercado para o comércio de crianças, o oeste da África e o leste europeu são os principais fornecedores, e há também um próspero negócio entre as regiões fornecedoras e na Ásia. O relatório aponta ainda que 500.000 mulheres e adolescentes são comercializadas todo ano em todo o mundo, na maior parte dos casos em países da ex-União Soviética. O preço de um mulher em uma cidade da Romênia, por exemplo, foi fixado em 49 dólares. De acordo com o Unicef, cerca de 200.000 crianças também são comercializadas a cada ano no oeste da África, tanto para entrar no comércio de exportação para a Europa, como para serem vendidas como empregadas domésticas.O sudoeste da Ásia é responsável por um terço do comércio doméstico e internacional de mulheres e crianças, acrescentou o relatório.Foi observado um aumento de 20 por cento na prostituição infantil na Tailândia nos últimos três anos, e 15 por cento das garotas comercializadas no sul do Vietnã tem menos de 15 anos. Na China, 250.000 mulheres e crianças são vítimas do tráfico, afirma o relatório.O comércio não se limita ao sexo feminino. Milhares de meninos com cerca de cinco anos são comercializados de Bangladesh, Índia e Paquistão para os Emirados Árabes Unidos todo ano para trabalharem como condutores de camelos.

 
Mulheres Apaixonadas
 
Você sabia que Elisa Lucinda está trabalhando na novela da Globo: Mulheres Apaixonadas ?
( Apesar de eu só ter visto uns poucos capítulos concluí que é uma novela que ainda mostra a situação da burguesia brasileira, a situação ainda tão desprevilegiada dos negros no Brasil e mostra mesmo só o que a Globo quer mostrar, já que é uma novela da Globo).
 
O que achei positivo é que vai dar talvez abertura à situação da homosexualidade entre as mulheres. Felizmente as duas jovens lésbicas na novela, são de nível classe média alta, loiras e relativamente de boa aparência. Então o povão brasileiro vai "aceitar" que ser lésbica" é  "normal" e vai virar "moda"?
Como o nosso Brasil ainda tem muito que aprender e crescer !!!  Há comentários de pais que dizem, se fôssem minhas filhas eu lhes daria uma surra pra elas aprenderem. Ou, como pode !!!
Esses pais não têm culpa de pensarem assim. Assim foram doutrinados desde crianças. E a Igreja disse que é pecado.
 
Bom isso foi só um comentário pra você e acabou virando um desabafo. Era só pra contar que gostei de ver a Elisa na TV Globo.
 
abraços, Helena
 
 
 

Entre em contato: